domingo, 18 de junho de 2017

#Resenha: "Se eu fechar os olhos agora"


Título: Se eu fechar os olhos agora

Autor: Edney Silvestre

Ano de lançamento: 2009

Editora: Record

Nº de páginas: 304



# A história

Abril de 1961. Uma pequena cidade do Rio de Janeiro.

Dois meninos de 12 anos, Paulo e Eduardo, brincam em um lago após terem sido expulsos da aula, quando encontram o corpo de uma linda mulher, que foi morta e mutilada. Um dos seios fora brutalmente arrancado.

A explicação oficial do crime foi a de que o marido, dentista da cidadezinha, a teria assassinado por ciúmes. Ele foi à delegacia e confessou, mas para Paulo e Eduardo, o caso não parecia ter chegado ao fim. Queriam investigar a fundo.

# Opinião

Edney Silvestre é um jornalista experiente e tem várias coberturas marcantes no currículo, como dos ataques de 11 de setembro, dos furacões na Flórida, dentre outras. Se eu fechar os olhos agora rendeu a ele o prêmio São Paulo de Literatura, como o melhor livro de autor estreante em 2010. No mesmo ano, venceu também o Prêmio Jabuti de melhor romance. Por essas informações eu já tinha muitas expectativas ao começar a leitura. E digo uma coisa: o mergulho valeu a pena.

Paulo e Eduardo são os típicos garotos de 12 anos que ainda não sabem o que esperar da vida. Imaturos, mas sempre com aquela vontade de sair peitando o mundo. Investigar um assassinato, brincar de detetive, tudo era muito empolgante para os dois. O perigo que estavam correndo parecia só um detalhe.

A escrita do autor tem um tom quase poético. A trama é densa, porém a suavidade que Silvestre imprimiu à narrativa fez a leitura fluir com leveza. No meio disso tudo, ainda tem espaço para situar o leitor no Brasil dos anos 1960, trazendo o contexto da desigualdade social, da política, entre outras coisas que só ajudaram a enriquecer a obra.

A dose de suspense teve a medida certa. O desfecho foi dado muito rapidamente, mas eu gostei da forma como os garotos chegaram até ele. Eu também senti dificuldade para entender algumas partes em que vários segredos foram revelados. Sou fã de diálogos ágeis, mas precisei de um tempo para compreender a teia que ligava a maioria dos personagens.

Principalmente nas últimas páginas, você não pode fechar os olhos nem por um segundo. Fica a dica!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AGORA QUE VOCÊ JÁ MERGULHOU NA LEITURA, DEIXE O SEU COMENTÁRIO. ELE É MUITO IMPORTANTE PARA O CRESCIMENTO DO BLOG. OBRIGADO!!!

Obs.: comentários ofensivos serão deletados.