quarta-feira, 19 de novembro de 2014

#Resenha: "Um Porto Seguro"

Título: Um Porto Seguro

Autor: Nicholas Sparks

Ano de lançamento: 2012

Editora: Novo Conceito

Nº de páginas: 414


# A história

Katie é uma jovem misteriosa que apareceu na pequena cidade de Southport, na Carolina do Norte. Com o pouco dinheiro que tinha, alugou uma cabana simples para recomeçar a vida do zero. Conseguiu um emprego de garçonete no restaurante local chamado Ivan’s e, aos poucos, foi se adaptando às escolhas que havia feito.

Ela conheceu Jo, sua nova vizinha, que rapidamente já se considerava a sua amiga de infância, dando conselhos e se convidando para tomar vinho, sem fazer cerimônia. Apesar de Katie querer manter a discrição, sua beleza não a deixava passar despercebida. Logo, o viúvo Alex, pai de dois filhos pequenos, se viu apaixonado pela nova moradora de Southport.

O sentimento era recíproco. Porém, Katie não conseguia se entregar. O passado ainda a amedrontava e ela não sabia como se livrar dele. Naquelas circunstâncias, talvez o seu porto seguro fosse viver esse amor intensamente.   

# Opinião

Faz tempo que eu tenho esse livro, mas adiei ao máximo a leitura. A impressão negativa que ficou depois da última obra que li do autor (Um Homem de Sorte), contribuiu para que eu deixasse Um Porto Seguro alguns meses no final da fila. Somado a isso, o número de páginas me fez pensar que a decepção poderia ser maior. Dei prioridade aos livros policiais – basta dar uma olhada nas resenhas anteriores para notar isso – e, só agora, senti a necessidade de encarar um mergulho romântico. Nicholas Sparks foi a minha sábia escolha.

Serei franco. A sinopse não é a mais inovadora do mundo. A proposta passa longe de querer reinventar a roda. Pelo contrário. O estilo é aquele mesmo já conhecido do autor. O que tornou a história interessante foi o jeito de contá-la. A escrita de Sparks é envolvente e vai fundo nos detalhes. O texto nos transporta para dentro do livro, tamanha é a verdade contida nas palavras.

Katie, a protagonista, apesar de parecer frágil, mostrou-se uma mulher forte e corajosa, que soube dar a volta por cima. Gosto de personagens assim, porque me dão motivos para torcer por eles. E Katie me deu vários. Outra personagem interessante é Jo. Durante boa parte do livro, eu tinha em mente que iria detoná-la nesta resenha. Além de forçar a barra para ser a best friend de Katie, ela ficava dando palpites na vida dela o tempo todo. Porém, no final, desconstruí toda essa ideia e passei a admirá-la muito e a compreender suas atitudes.

Também gostei muito do personagem Alex. Ele tem uma relação linda com os filhos e faz um esforço admirável para dar a eles o melhor da vida. Quando Katie e ele se apaixonaram, tiveram que enfrentar as mais diversas dificuldades para ficarem juntos. Foi neste momento que surgiu o vilão Kevin, um cara medonho e cínico, que buscava, na Bíblia, justificativas plausíveis para suas atrocidades. Através dele, o livro trouxe à tona uma discussão muito séria e atual (sem spoiler).

O final é bem agitado, cheio de ação. O que resta ao leitor é ficar na torcida, com o coração acelerado. Quando a tensão acaba, as últimas páginas ainda trazem uma revelação de cair o queixo. Para mim, foi uma surpresa e tanto. Mergulho recomendado!



6 comentários:

  1. Passei para observar suas resenhas, suas sugestões, e para dizer parabéns! Vou ler alguns...sucesso meu amigo Ygo, bons estudos, estou atento!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Aguiar.
      Fico sempre muito feliz com as suas visitas e com a sua força. Obrigado!
      Abraço!

      Excluir
  2. Olá Ygo :)
    Você não faz ideia de como esse livro me surpreendeu, no começo achei que seria uma leitura chata, mas o Nicholas acertou e muito no mistério " de quem é a Kate está fugindo", as partes onde ela sofria violência foram chocantes. E achei a Kate tão corajosa. O final é emocionante.
    Beijos.
    www.vicioempaginas.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Polliana.
      Também achei a protagonista bastante corajosa. As cenas de ação no final foram o ponto alto do livro, sem dúvida.
      Beijos!

      Excluir
  3. Se tem uma coisa que eu amo é livro e se tem outra coisa que eu amo é o Nicholas Sparks porque ele sabe como fazer um romance, é um dos melhores livros que eu já li de autoria dele, um dos que mais me prendeu e que eu li mais rapidamente. Uma verdadeira paixão pelas historias dele. Adorei seu blog, já está nos meus favoritos.

    Meu blog: www.umcontainer.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Também achei esse um dos melhores livros do autor.
      Obrigado pela participação. Abraço!

      Excluir

AGORA QUE VOCÊ JÁ MERGULHOU NA LEITURA, DEIXE O SEU COMENTÁRIO. ELE É MUITO IMPORTANTE PARA O CRESCIMENTO DO BLOG. OBRIGADO!!!

Obs.: comentários ofensivos serão deletados.